Bluetooth Hack 1.8: Aplicativo para Celular


Bem pessoal, vou “vender aqui o peixe pelo preço que comprei” e no final, apenas um pequeno comentário, veja o que falam por ai deste programinha, em formato JAR, pega em praticamente qualquer celular que suporte Java.

O Bluetooth Hack é utilizado para conseguir dados de outros celulares via bluetooth sem que a outra pessoa saiba.

Uma vez conectado a um outro telefone através de Bluetooth Hacker você pode (ou não):
– Ler as mensagens
– Ver a lista de contatos do smartphone Android, Windows Phone ou iOS
– Mudar o perfil e configurações
– Fazer o telefone tocar mesmo estando em modo silencioso
– Fazer downloads das musicas e toques (para o seu celular)
– Reiniciar o telefone
– Desligar o telefone e configurar
– Restaurar os valores de origem
– Mudança de toque Volume
– Fazer Ligações do outro celular.

Continue lendo “Bluetooth Hack 1.8: Aplicativo para Celular”

Saiba como marcar mensagens como não lidas no Skype para iPhone


skO Skype para iPhone permite visualizar mensagens e depois marcá-las como não lidas. A opção, que faz sucesso no WhatsApp, é ideal para manter a privacidade durante uma conversa, pois o contato não saberá que você está disponível. Veja como utilizar a dica para marcar mensagens recentes como não lidas no Skype para iOS.

1. Abra o Skype na sessão “Recente” para visualizar as conversas. Em seguida, repouse o dedo sobre um chat e arraste-o para esquerda, para visualizar as opções rápidas da conversa;

2. Toque sobre o ícone de balão de texto, em laranja na tela, para que a conversa seja marcada como não lida.

Pronto. Não há limite para utilizar essa função. Dessa maneira, repita o procedimento sempre que achar necessário.

Celulares piratas com IMEI repetidos serão bloqueados pela Anatel


Pelo menos 20% dos aparelhos homologados  no Brasil, são capazes de realizar chamadas clandestinas, objetivo é que até o inicio de 2014 falha esteja corrigida.

As operadoras de celular estão autorizadas pela Anatel a bloquearem as chamadas originadas por celulares piratas. A medida entrará em vigor no início de 2014 e, até lá, as operadoras terão que implantar um sistema tecnológico que permita o bloqueio de chamadas originadas de aparelhos clandestinos.

  • Afinal, qual aparelho é considerado pirata?

celular-smartphone-china-chines-acabarCelulares, smartphones, phablets e tablets saem de fábrica com um número de registro chamado IMEI. Ele funciona da mesma forma que o RG de uma pessoa ou o chassi de um carro, ou seja, é o seu número de identificação. O chip habilitado pela operadora também possui um código único, chamado IMSI.

Quando o aparelho é ligado, a operadora tem acesso aos números de IMEI e IMSI, o que permite identificar quem está falando e qual aparelho esta pessoa está utilizando. Um cadastro nacional de IMEIs brasileiro será criado e cruzado com o dos chips, o já existente cadastro dos IMSIs.

Dessa forma, quando o cliente estiver realizando uma chamada, será possível à operadora identificar se o aparelho é legítimo ou não. Assim, os celulares “sem RG” poderão ser banidos de forma automática. Como o cadastro é mundial, o mesmo vale para aparelhos comprados no exterior, que vão funcionar normalmente no país.

Anatel: preços de ligações de celulares entre operadoras diferentes vai baixar


A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) aprovou hoje (18) uma proposta para reduzir os valores das ligações de celulares entre operadoras diferentes. Até 2019, o Valor de Remuneração de Uso de Rede da telefonia móvel (VU-M) deverá ser reduzido em mais de 90%, passando dos atuais R$ 0,23 para R$ 0,02 . O VU-M é o valor que as operadoras de celular pagam para usar a rede de outras empresas.

“Esta redução de preços de interconexão deverá se refletir nos preços dos serviços de telefonia ofertados pelas empresas ao consumidor, pois haverá aumento da competição no setor”, diz a agência. De acordo com a norma aprovada hoje, os valores dessas tarifas estarão referenciados aos custos e serão reduzidos gradativamente até o nível de custo eficiente de longo prazo.

Com a medida, a Anatel espera que os preços das ligações entre operadoras diferentes fiquem mais próximos dos preços praticados para chamadas entre usuários da mesma empresa. Assim, o consumidor não precisará de vários aparelhos celulares ou vários chips em um mesmo celular para realizar chamadas para outras operadoras.

As reduções nos valores de interconexão também deverão impactar o preço das chamadas fixo-móvel, que deverão ter uma redução substancial, segundo a Agência.

Para aprovar a norma, o conselho diretor da Anatel analisou os impactos das reduções de VU-M já implementadas em 2012 e 2013, que não geraram resultados negativos para o setor nem redução de investimentos ou lucros das empresas.

Leia também:  3G teve picos de tráfego e congestionamento na abertura da Copa

Os torcedores que foram ao jogo de abertura da Copa do Mundo na Arena Corinthians, o Itaquerão, ontem (12), fizeram 135 mil ligações de telefonia celular e mais de 1 milhão de comunicações de dados, incluindo envios de e-mails, fotos e mensagens multimídia. De acordo com o Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviço Móvel Celular e Pessoal (SindiTelebrasil), na partida entre Brasil e Croácia, a maior concentração foi na tecnologia 3G, que teve picos de tráfego e congestionamentos momentâneos.

Das 13h às 20h foram feitas 857 mil comunicações na tecnologia 3G e o pico de conexões à internet ocorreu entre as 14h30 e as 15h30, um pouco antes e durante a cerimônia de abertura. O uso da rede de dados se manteve em níveis elevados até o início da partida, às 17h. Na tecnologia 4G, foram registradas 285 mil comunicações de dados das 13h às 20h, o que representou 26% do tráfego total de dados. No Itaquerão, que tem 68 mil lugares, a coberturaindoor (formada por rede de fibras ópticas e 337 antenas) foi reforçada com 22 antenas móveis na área externa.

“A rede para chamadas telefônicas apresentou desempenho satisfatório, mesmo nos momentos de pico. O maior volume de ligações ocorreu entre as 13h e as 15h, demostrando um comportamento típico dos usuários em grandes eventos, em que o uso do celular para ligações de voz se dá de forma mais intensa na chegada ao local, enquanto o uso de dados é mais elevado no início do espetáculo”, avalia o SindiTelebrasil.

 

O Itaquerão é um dos seis estádios da Copa que não contam com estrutura de internet sem fio (wifi) pra os jogos do mundial, por falta de acordo entre as empresas de telefonia e as administrações dos estádios. Segundo o SindiTelebrasil, apesar do prazo de dois meses para a instalação de equipamentos, considerado curto, a infraestrutura de cobertura indoor montada pelas prestadoras no estádio permitiu o uso intenso dos serviços de telefonia e de conexão à internet móvel.

As operadoras de telefonia móvel também instalaram a cobertura indoor nos demais estádios que sediam os jogos da Copa do Mundo. Ao todo, 4.738 antenas fazem parte da infraestrutura interna de telefonia móvel e banda larga instalada, resultado de parcerias com as prestadoras Claro, Oi, Nextel, Tim e Vivo, que fizeram projeto único, com investimentos de R$ 226 milhões.

 

Os equipamentos das empresas ficam instalados em uma sala da qual parte uma rede de fibras ópticas que levam o sinal até pequenas antenas distribuídas ao longo de cada estádio para garantir cobertura nas arquibancadas, camarotes, vestiários, corredores, praças de acesso e estacionamentos internos. Para o atendimento da área externa dos estádios durante os dias dos jogos são usadas ainda 144 antenas móveis, numa média de 12 por estádio.