Como montar um escritório de consultoria e começar 2018 faturando alto


Segundo relata o Sebrae, consultoria é um tipo de prestação de serviço em que um profissional qualificado e conhecedor do assunto oferece ao mercado, realizando diagnósticos e elaborando processos com o propósito de levantar as necessidades do cliente, identificar soluções e recomendar ações.

Com as informações levantadas o consultor desenvolve, implanta e viabiliza o projeto de acordo com a necessidade específica de cada cliente.

O Escritório de consultoria atua como um processo interativo de agente de mudanças externo à empresa, assumindo a responsabilidade de auxiliar os executivos e profissionais da organização nas tomadas de decisões, não tendo, entretanto, o controle direto da situação.
Um escritório de consultoria deverá ser concebido com visão profissional, desde o seu projeto embrionário, o que irá requerer uma avaliação objetiva sobre a forma de atuação, bem como as expectativas comerciais que esse tipo de empreendimento requer.

Tendencias para 2018

Tendências em qualquer setor são fáceis de observar, especialmente pelos consultores mais atentos e ágeis, cuja sobrevivência depende de estarem à frente, ou ao menos lado a lado, com seus clientes. As mudanças que têm os maiores impactos sobre os negócios, e conseqüentemente sobre o segmento de consultoria, são:

1. Tecnologia da Informação

Os serviços de assessoria estão sendo integrados e somente alguns poucos pesos-pesados têm a capacidade e escopo para competir pelos megaprojetos de consultoria. A assessoria nesta área de especialização migrou de Design e suporte à instalação de sistemas transacionais, para integração de Sistemas, e para redirecionamentos estratégicos, que englobam a adoção de tecnologias complexas como os sistemas de ERP e uso estratégico da WEB como exemplos, com grandes saltos qualitativos após a implementação.
O TI migrou de uma “commodity” de escritório para a linha de frente das vantagens competitivas estratégicas. Ter planejamento e controle integrados do negócio, para alcançar a possibilidade de tomada quase instantânea de decisões, pode ser a diferença entre progredir nos negócios ou sucumbir.

Empresas de consultoria menores, que não estiverem no negócio de administração ou integração de sistemas, podem beneficiar-se desta demanda, provendo os necessários serviços de suporte.
Liderando estes serviços está a “Gestão de Mudanças”, ou seja, apoiar as empresas na implementação das mudanças na organização e nas transições culturais e comportamentais que Tecnologia da Informação exige. Atualmente pode-se dizer que TI é uma das mais, senão a mais poderosa força de mudança sobre empresas e consultores.

Decomposição Estrutural: o fim da organização “top-down” auto-suficiente

Autoridade, autonomia e capabilidade plena estão sendo pulverizadas. Tempos de resposta estão sendo encurtados e hierarquias de planejamento e controle centralizadas estão sendo achatadas. Tecnologia da informação é um dos mais poderosos influenciadores.
Pirâmides de poder, com seus sobe-e-desce de informação, não são mais necessárias. Todas as organizações devem se reestruturar mais drasticamente e freqüentemente do que em qualquer outra época.
Organizações são estruturas que se “dissipam”: nascem, crescem, adquirem certo grau de complexidade, ficam sempre longe do equilíbrio, decompõe- se e ressurgem em modelos às vezes dramaticamente diferentes. Este processo é contínuo e ocorre repetitivamente.

2. Velocidade como vantagem estratégica

Nível de serviço, qualidade e flexibilidade estão ganhando de controle de custos, tamanho e consistência. Mais rápido é melhor. Sistemas integrados de informação, redes e sistemas flexíveis de produção e logística estão em alta. Economia de escala vem sendo, há muito tempo, substituída por economia de escopo e velocidade. Tecnologia da informação é o combustível para flexibilidade e velocidade. A organização que conseguir assimilar as novas tecnologias mais rapidamente, realocar seus recursos em menor espaço de tempo e reestruturar-se mais agilmente, com quedas mínimas no desempenho terá toda a vantagem competitiva sobre seus concorrentes.

3. Gestão de Mudanças

Cada um destes movimentos tem mudança organizacional como um ingrediente muito ativo, no centro da questão. A mensagem é clara: implementar mudanças estratégicas e operacionais, consistente e continuamente, é essencial para organizações que tenham em mente ganhar e sustentar vantagem competitiva. E a mensagem para as empresas que fornecem serviços a estas organizações, como consultores o fazem, é igualmente clara: caso seus serviços não reflitam as novas realidades do contexto empresarial, ou se eles não fortalecem mudança e sustentem agilidade, serão meras “commodities” administrativas, sem diferencial aos olhos do mercado e sem chances de sobrevivência.

Veja mais informações no site do Sebrae.

    DIY COMO MONTAR UM ESCRITORIO BARATO EM CASA

    Diy como montar um escritório barato em casa https://www.youtube.com/watch?v=fhtdmiqonhu.

    D.I.Y: COMO MONTAR UM ESCRITóRIO EM CASA SEM GASTAR MUITO (HOME OFFICE)

    E-mail para contato: umpoucodetudomarinacoelho@gmail.com instagram: @marinaacoelho1 blog: http://www.umpoucodetudomarinacoelho.com/ fan page ...

    QUAIS SãO OS CUSTOS PARA MONTAR UM ESCRITóRIO PRóPRIO?

    Neste vídeo, estarei falando sobre os custos envolvidos para montar um escritório próprio. basicamente são dois custos: 1° custo operacional recepcionista ... Tudo sobre Como montar um escritório de consultoria e começar faturando alto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *