Conheça 5 dicas para protejer a pele do bebê contra alergias


  • Use sabonete neutro:

Sabonetes neutros, sem perfume e com baixas quantidades de álcool e detergentes protegem a oleosidade natural da pele do bebê. “Quanto mais espuma o sabonete fizer, mais detergente tem e pior é para o bebê”, afirma a pediatra. Barras de glicerina são mais recomendadas, porque têm menos compostos químicos. “Certifique-se de que o sabonete seja feito de glicerina, e não sabonete comum com glicerina”, alerta a pediatra Sylvio Monteiro, da MBA Pediatria. Caso o tempo esteja muito quente e o bebê tome vários banhos, use sabonete em apenas um deles – os outros são para refrescar, já que a higiene já foi realizada.

  • Atenção à temperatura da água:

Quando for dar banho no bebê, verifique a temperatura da água e cuide para que ela esteja em torno de 37 graus. “Água muito quente pode queimar a pele do bebê, já a fria o deixará desconfortável”, conta a pediatra Camila Reibscheid. Além disso, o pediatra Sylvio Monteiro explica que temperaturas maiores ou menores que esta ativam a desidratação da pele.Quanto à duração do banho, enquanto a criança estiver à vontade, pode aproveitar o momento.

  • Óleo de amêndoas para peles secas:

Segundo o pediatra Sylvio Monteiro, o sabonete de glicerina já contém óleos neutros que protegem a pele do bebê, dispensando o uso dos óleos. Mas se o bebê tem a pele seca, chegando a rachar, o óleo de amêndoas após o banho resolve o problema. “Esse óleo é natural e não causa danos à pele do bebê, ao contrário de outros cremes ou hidratantes, que podem causar alergias”, explica a pediatra Camila Reibscheid.

  • Secando o bebê:

A escolha da toalha e modo como você seca o bebê também podem contribuir para irritações na pele. Dê preferência a toalhas bem macias, com o tecido parecido com aqueles usados em fraldas de pano. Evite também friccionar demais a toalha na pele do bebê, para não machucá-la. Faça movimento bem suaves, para retirar a umidade com o toque da toalha na pele, e não com o atrito.

  • Use roupas fresquinhas:

É muito comum o bebê ficar com pequenas bolinhas no corpo, principalmente em dias quentes. São as famosas brotoejas, efeito de uma irritação na pele. Contra elas, o ideal é colocar roupas mais fresquinhas na criança e evitar lugares abafados, para que o bebê não transpire em excesso – o suor provoca a formação das bolinhas alérgicas.

Nesses casos a pediatra Camila Reibscheid recomenda também o uso de talco líquido, que tem o mesmo efeito do talco em pó: deixar a pele do bebê mais seca. “O talco líquido apresenta duas vantagens sobre o pó, não é tão perfumado e não corre o risco de entrar pelo nariz ou pela boca do bebê, causando alergias”

    PROTEGER É PRECISO: EPISóDIO 5

    Episódio 5: gravidez na adolescência o programa proteger é preciso tem como objetivo contribuir para a prevenção às ocorrências e situações de violência ...

    8 COISAS QUE OS SEUS OLHOS PODEM DIZER SOBRE A SUA SAÚDE

    Inscreva-se em incrível: https://goo.gl/zhft2x ---------------------------------------------------------------------------------------- nossas redes sociais: facebook: ...

    COMO NOS PREPARAMOS PARA FURACÃO NO CARIBE | LORRAYNE MAVROMATIS

    Eu e meu marido moramos em st. maarten, no caribe. no começo de junho oficialmente começou a temporada de furacÃo aqui. no vídeo mostro pra vocês ... Tudo sobre Conheça 5 dicas para protejer a pele do bebê contra alergias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *