Desgoverno sob pressão que escutar caminhoneiros


Nem com toda “competência” que ronda o planalto imaginaram que uma classe em greve gerassem tantos transtornos a nação, governo sentiu o golpe e já escalou três dos seus seus 654564 ministros para conversar com a classe, vem mais bomba por ai…

    VOSSA EXCELêNCIA - TITãS - AO VIVO NA MTV

    Canção em protesto contra o período mais corrupto da história do brasil acompanhe a letra: vossa excelência titãs estão nas mangas dos senhores ministros ...

    EM COROATá, PROFESSORA DESABAFA SOBRE O DESGOVERNO DE TERESA!!!

    Em coroatá, professora desabafa sobre o desgoverno de teresa!!!

    JOSIAS DE SOUZA / O QUE MAIS ANGUSTIA é A ENCRUZILHADA POLíTICA

    Tudo sobre Desgoverno sob pressão que escutar caminhoneiros

2 respostas para “Desgoverno sob pressão que escutar caminhoneiros”

  1. Decisão estabeleceu multa no valor de R$ 5 mil por hora de permanência não autorizada em rodovias do RS

    A 3ª Vara Federal de Pelotas (RS) determinou a desobstrução de três rodovias no Rio Grande do Sul que haviam sido ocupadas por motoristas de caminhão em protesto. A decisão em caráter de liminar foi proferida nesta terça-feira (24) pela juíza federal Dulce Helena Dias Brasil e diz respeitos à BR 293, à BR 116 e à BR 392.

    A ação de reintegração de posse foi ajuizada na noite da última segunda-feira (23) pela Advocacia Geral da União (AGU) contra o Sindicato dos Transportadores Autônomos de Bens de Rio Grande e outras pessoas.

    De acordo com a AGU, a tomada das rodovias por integrantes de movimentos de caminhoneiros impede o direito de ir e vir dos condutores de veículos na região.

  2. Os caminhoneiros, uma classe mais simples conseguem lesse desgoverno maldito, enquanto os mais cultps e burros se escondem na moita e só comparecem aos mlihares e até milhões, no carnaval, na marcha para egalização da maconha, na parada gay, para assistgir cantores de rock internacionais que vem aqui buscar o nosso dinheiro, futebol, etc e os caminhoneeiros sairam na frente. Parabéns !

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *