Emissoras comerciais preferem operadoras de telefonia e 3G fora da TV Digital


Como ninguém da ponto sem nó, sempre querem levar vantagens em algo, s emissoras comerciais preferem uma interatividade acanhada na TV Digital a abrirem espaço às operadoras de telefonia em seu quadrado. No grupo responsável pela transição tecnológica, a defesa é por conversores modestos e sem espaço para conexões 3G, por exemplo.

“Estamos negociando adotar o set top box no modelo B do Fórum SBTVD, sem canal de retorno”, admite Luiz Roberto Antonik, um dos representantes da radiodifusão no Gired, o grupo que reúne governo, teles e tevês para cuidar da implantação da TV Digital e do consequente desligamento dos sinais analógicos.

Ele se refere aos conversores que serão distribuídos a 14 milhões de famílias pobres, inscritas no Bolsa Família. São equipamentos que permitirão que mesmo televisores analógicos reproduzam a programação transmitida em formato digital.

Pelo padrão digital adotado pelo Brasil, esses aparelhos também devem ser ferramentas de interatividade. Mas a qualidade dessa experiência vai variar com a configuração técnica dos conversores. “É melhor ter uma interatividade pontual, de texto, sem troca de conteúdo pesado”, diz o presidente da Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e TV, Abert, Daniel Slaviero.
A opção por um conversor sem canal de retorno significa que esse equipamento não terá nem mesmo uma entrada do tipo USB, onde poderia ser conectado um modem 3G (ou mesmo 4G). Aparentemente, depois de ceder o espectro para a banda larga móvel, a radiodifusão não quer entregar mais nada para as teles. “A TV tem estrutura maior, tem como se defender tecnologicamente”, diz Antonik.

Mas não deixa de ser irônico. No rádio, a estratégia é exatamente usar dispositivos móveis para alcançar e interagir com os ouvintes. “A gente acredita muito na recepção via o chip da FM e a interatividade pela rede de celular”, destaca Slaviero. A Abert vai financiar R$ 1 milhão em aplicativos para que todas as rádios comerciais possam ser captadas por smartphones.

Via convergenciadigital.com.br

    EUROCHANNEL: VINHETA DE 1998

    O eurochannel é um canal de televisão por assinatura francês com foco na europa, no estilo de vida através de filmes, séries e outros programas dedicados à ... Tudo sobre Emissoras comerciais preferem operadoras de telefonia e 3G fora da TV Digital

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *