Falso médico que aplicava cimento e cola em mulheres pega 1 ano de cadeia


O falso cirurgião conhecido por “doutor cimento” , Oneal Ron Morris, que foi acusado de injetar cimento e cola nos glúteos de mulheres, foi condenado a um ano de prisão por um tribunal do estado da Flórida (EUA).
Oneal Ron Morris praticava cirurgias clandestinas em quartos de hotel e casas no sul da Flórida em pacientes que queriam aumentar os glúteos, as bochechas e os lábios.
Para isso, injetava materiais industriais, como cimento, cola e coquetéis de substâncias tóxicas, que puseram em risco a vida de várias das vítimas.

 

bizarro
O próprio Morris, que segundo a imprensa local estava em processo de mudança de sexo, tentou melhorar a aparência com estes produtos que deformaram seus quadris e glúteos, tal como mostra foto divulgada pela polícia.
O primeiro incidente denunciado data de maio de 2010, quando uma vítima pagou US$ 700 (cerca de R$ 1.540) a Morris para uma cirurgia estética com a intenção de aumentar o volume das nádegas.

 
Pouco depois a mulher teve pneumonia e seus quadris ficaram visivelmente deformados, entre outras sequelas. Os médicos descobriram que Morris supostamente tinha injetado a supercola, além de óleos minerais e cimento nos glúteos da paciente.

    PEGADINHAS DO JOãO KLEBER SHOW - 16/04/2017

    CASOS EXTREMOS DE ESTERóIDES ANABOLIZANTES [+16]

    VÍdeos recomendados◅▭▭▭▭▭▭▭▭ ▽berne gigantesco!! veja a dor pra tira esse berne bizarro!! [ciÊncia estranha]▽ ...

    PASTOR TIRA UM RATO DA BARRIGA DE UM FIEL

    Quem não acredita nesse tipo de milagre, peço que nem veja esse vídeo, pois se isso é milagre da parte de deus, não critique porque assim estarás ... Tudo sobre Falso médico que aplicava cimento e cola em mulheres pega 1 ano de cadeia

2 respostas para “Falso médico que aplicava cimento e cola em mulheres pega 1 ano de cadeia”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *