Guia de Compras: Saiba escolher um gadget usado


Atualizar um equipamento ou mesmo trocar um gadget que ficou com defeito por algo mais novo nem sempre é uma tarefa fácil. Com uma infinidade de lançamentos e atualizações constantes, as tentações tecnológicas são incontáveis e levam os apaixonados por tecnologia a um estado constante de insatisfação. Para satisfazer seus anseios e vontades cibernéticas, muitos recorrem aos produtos usados. Graças a eles é mais fácil suprir uma vontade sem agredir muito o bolso. No entanto, o mercado de produtos usados pode oferecer várias armadilhas e bastante insatisfação. Para evitar dores de cabeça, a INFO preparou um guia rápido para que você faça uma compra mais eficiente.

  • Quando vale à pena comprar um gadget usado?

Normalmente a compra de um produto tecnológico usado faz sentido em situações bem específicas, seja ele um player multimídia, notebook ou mesmo TV. Isso se deve à rápida atualização do mercado. Identificada pela lei de Moore, que estabelece um aumento de 100% na capacidade de um chip a cada 18 meses, a velocidade com que novos e mais potentes produtos são despejados no mercado faz com que algo usado perca sentido rapidamente. Afinal, quem compraria um notebook ou desktop ultrapassado se a diferença para o novo não é tão grande? Por outro lado, a desvalorização dos produtos pode gerar preços interessantes, ou pelo menos deveria. Um dos grandes problemas da compra e venda de produtos usados é a precificação. Ao contrário dos automóveis, que têm seu preço tabelado, o mercado tecnológico funciona pela base do bom senso de vendedores e compradores.  Quando encontrar uma boa oferta, cheque as recomendações do vendedor ou loja em sites dedicados, como MercadoLivre. A avaliação de outros consumidores é fundamental para evitar falhas na entrega, preços abusivos e produtos em péssimas condições.

gadget

Atenção nos detalhes

Cada gadget possui uma vida-útil para seus componentes. Por exemplo, a bateria de um iPod pode durar de 1 a 3 anos até que uma troca seja necessária. Para verificar as condições antes de pedir uma troca, a Apple recomenda zerar o equalizador do produto, ajustar o volume em nível médio, manter a tela sempre ligada e ativar a repetição de faixas. Nessas condições, o usuário deve comparar a duração da bateria com uma tabela oferecida pela empresa para todos os modelos. Esse teste pode ser exigido pelo consumidor antes da compra. Em notebooks, a duração de bateria pode ser avaliada por softwares como o BatteryEater (com Wi-Fi e Bluetooth ativados e brilho da tela no máximo), que exige bastante do produto. A checagem de componentes, como as memórias, também deve ser feita quando possível, pois os trilhos podem oxidar. Para câmeras digitais, é preciso verificar os componentes. Nas DSLR, o diafragma possui um número limite de disparos, por isso é necessário checar se alguma troca já foi feita, ou mesmo os preços desse serviço para o modelo. Nas compactas, o sistema de foco pode dar problema com o passar do tempo. Por isso, verifique a mudança de foco quando possível. Na compra de qualquer produto, mas principalmente câmeras, filmadoras e players de mídia, é recomendável fazer uma avaliação presencial antes da compra.

  • Desktops:

A compra de desktops usados geralmente não oferece vantagens, principalmente pela durabilidade de cada componente e nas trocas que os usuários realizam ao longo do tempo. No entanto, para Macs a compra pode ser viável. Por serem muito caras no Brasil, as soluções de desktop usadas da Apple são convidativas para profissionais e escritórios de design. Nesses casos, é preciso checar a integridade dos drives, conexões, placas de vídeo, fonte de alimentação e as condições do próprio gabinete.

  • Smartphones:

Possivelmente essa categoria de gadget é a que oferece os maiores atrativos. Pela infinidade de lançamentos, um smartphone se torna obsoleto rapidamente. Normalmente, o preço de um produto topo de linha demora a cair nas operadoras. Por esse motivo, a busca por um usado oferece várias vantagens. É preciso ficar atento a riscos na tela, integridade dos botões físicos, câmera, flash, alto-falante, qualidade da ligação e também com a bateria. Para checar a tela, uma imagem com uma única cor pode ressaltar riscos e possíveis deformações. Quem nunca derrubou um celular? Por isso, verifique bem a carcaça, pergunte se ela é a original ou se já foi substituída. Isso indica acidentes sofridos pelo aparelho no passado. Outro detalhe importante e que serve para todos os produtos: só compre gadgets com a nota fiscal original e manuais em bom estado.

    ALIEXPRESS - GUIA DE COMPRAS COMPLETO!!! SAIBA TODOS OS DETALHES E TRUQUES DO SI ..

    Tudo que você precisa saber sobre como comprar no aliexpress, esmiuçado e detalhado, escolha de mercadoria, vendedores, métodos de envio, receita ...

    SAIBA COMO COMPRAR NAS LOJAS DO GUIA DE LOJAS ONLINE

    Hoje visitamos lojas que vendem chuteiras online. entramos na loja centauro e na loja netshoes. Ótimo passeio no shopping.

    GUIA ISENçãO SEM SEGREDOS-SAIBA COMO FUNCIONA A ISENçãO PARA A COMPRA DO SEU ..

    Click no link para adquirir o guia: http://seumaiornegocio.com.br/guia-isencao guia carro sem imposto: a pesar da isenção de impostos ser prevista em lei, ... Tudo sobre Guia de Compras Saiba escolher um gadget usado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *