Hyundai Creta terá motor de HB20 e plataforma de Elantra e i30


Ele chega para brigar com o Honda HR-V. A Hyundai do Brasil confirmou nesta segunda-feira que o “suvinho” Creta vai oferecer duas motorizações diferentes no país, a exemplo do que ocorre na Rússia.

As versões de entrada serão equipadas com o motor 1.6 aspirado da família do HB20, com duplo comando variável de válvulas (D-CVVT) na admissão e no escape, que deve render mais potência e torque em baixas rotações.

Já as configurações de topo serão movidas por um 2 litros, também com sistema de duplo comando, da família de motores Nu, usada tanto pela Hyundai quanto pela Kia, com potências declaradas entre 156/167 cv e 169/178 cv (gasolina/etanol), a depender da configuração.

Potência e torque oficiais só devem ser revelados pela empresa no Salão do Automóvel de São Paulo, que começa no próximo dia 10. Sistema de transmissão deve manter a caixa automática de seis marchas, além do manual também de seis marchas usados no HB20.

Conforme antecipado por nossa reportagem, a plataforma do Creta não será a mesma do hatch compacto — chamada de J5, a base do modelo deriva de modelos médios da marca, como i30 e Elantra.

MOTORES DO HYUNDAI CRETA

As versões mais acessíveis do Creta serão equipadas com um motor 1.6 16V também com duplo comando variável de válvulas na admissão e no escape, diferenciando-se da motorização utilizada na linha HB20, que hoje rende 128/122 cv e 16,5/16 mkgf com variação apenas na admissão. A expectativa é de que o motor do SUV tenha um melhor desempenho, principalmente em baixas rotações.

As transmissões oferecidas serão a automática de seis marchas e a manual, também de seis marchas.hyundai-creta-2018-2019

Anteriormente, a HMB já havia afirmado que o Creta será fabricado no país a partir da plataforma do Elantra – na Índia, a base utilizada é a do HB20, com comprimento e entre-eixos maiores.
No Brasil, o novo carro deve concorrer com os SUVs compactos como Honda HR-V, Nissan Kicks e Ford EcoSport, além das versões flex do Jeep Renegade. A fabricação e o início das vendas deverão ocorrer no primeiro semestre de 2017.

Outra novidade é que a Hyundai irá transmitir a coletiva de imprensa da apresentação pelo Facebook, em 8 de novembro, a partir das 16 hs.

    HYUNDAI CRETA 2.0 PRESTIGE EM DETALHES

    O novo hyundai creta 2017 tem motor 2.0 de 166 cv e câmbio automático de 6 marchas na versão topo de linha. o creta prestige sai por r$ 99.490 e esbanja ...

    HYUNDAI CRETA 2017 TERá OPçãO DE MOTORES 1.6 OU 2.0.

    Ele será vendido com duas opções de motor. a versão mais em conta terá o conhecido propulsor 1.6, de 4 cilindros, que já equipa a linha hb20, mas ele ...

    HYUNDAI CRETA!!! COMPARTIMENTO DO MOTOR E COMPONENTES.

    Compartimento do motor e peças visíveis, como abs, módulos, bateria, filtro e substituição. Tudo sobre Hyundai Creta terá motor de HB20 e plataforma de Elantra e i30

Uma resposta para “Hyundai Creta terá motor de HB20 e plataforma de Elantra e i30”

  1. Estas opções de cilindrada de motor vão fazer os compradores comparar o Creta com as versões de entrada e top de EcoSport e Duster. O 2.0 deve brigar forte com as versões EX e EXL do HRV. Mas a plataforma de Elantra com o motor mais potente deve fazer o consumidor para pensar se compra o atual Hyundai Ix35 ou investe na novidade de Piracicaba, ou seja, haverá fogo amigo nessa batalha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *