Microsoft vai lançar celular basicão por 60 reais em mercados pobres, o Nokia 130


A Nokia/Microsoft quer lançar celular barato para fidelidade clientes com Smartphones básicos lançados no futuro próximo.

Reconhecendo o rápido crescimento dos telefones celulares ultra acessíveis, a Microsoft Devices Group lança nesta segunda-feira o Nokia 130. Custando somente 25 dólares, o Nokia 130 combina as características básicas que os compradores do primeiro telefone celular esperam com o design bonito, confiabilidade e entretenimento móvel (vídeo player integrado, music player com até 46 horas de reprodução contínua em uma única carga e rádio FM), mas não tem acesso à Internet e a aplicativos desenvolvidos por terceiros.

 
O foco da estratégia de dispositivoReconhecendo o rápido crescimento dos telefones celulares ultra acessíveis, a Microsoft Devices Group lança nesta segunda-feira o Nokia 130. Custando somente 25 dólares, o Nokia 130 combina as características básicas que os compradores do primeiro telefone celular esperam com o design bonito, confiabilidade e entretenimento móvel (vídeo player integrado, music player com até 46 horas de reprodução contínua em uma única carga e rádio FM), mas não tem acesso à Internet e a aplicativos desenvolvidos por terceiros.

 
O foco da estratégia de dispositivo móvel da Microsoft está no atendimento do mercado high-end e também de smartphones de baixo custo com Windows Phone. “Mas ainda há uma necessidade de celulares ultra-acessíveis”, disse a empresa nesta segunda-feira.
“Estima-se que pelo menos 1 bilhão de pessoas em todo o mundo ainda não possuem um telefone celular, enquanto que, ao mesmo tempo, existe uma demanda crescente por telefones de reserva confiáveis tanto nos mercados maduros quanto nos mercados de alto crescimento”, afirma Jo Harlow, vice-presidente corporativa, divisão de Telefones, da Microsoft.

 

IMG_5041.JPGCom o 130, a Microsoft está indo atrás de consumidores de mercados emergentes que estão comprando seu primeiro telefone. É também uma boa opção para pessoas que querem um segundo aparelho, complementar a seus smartphones. De acordo com a Microsoft, todos os anos as pessoas compram 300 milhões de telefones celulares de menos de 35 dólares.
O preço de 25 dólares (sem impostos e subsídios) é cerca de 90 dólares mais barato que o Lumia 530, smartphone de mais baixo custo rodando o Windows Phone. E a diferença de preço com o modelo mais barato do Nokia X rodando Android – projeto abandonado recentemente em mercados mais maduros – é quase a mesma.

 
Para muitos usuários de mercados emergentes que a Microsoft tem como alvo, um preço próximo a 100 dólares é simplesmente demais. A empresa precisa oferecer uma alternativa mais acessível para impedi-los de optar por outro fornecedor hoje e, possivelmente, adquirir um smartphone deste mesmo fornecedor no futuro.
O 130 tem tela colorida de 1,8 polegadas e estará disponível com um ou dois SIM cards. A bateria tem autonomia de até 36 dias em standby para o modelo com um SIM card e 26 dias em standby para o aparelho dual SIM.

 
Oferece 16 horas de reprodução de vídeos armazenados em um cartão microSD de até 32GB, função SLAM habilitada para Bluetooth e conectividade USB para facilitar o compartilhamento de conteúdo digital, sem precisar de uma conexão de Internet.
O Nokia 130 estará disponível em mercados selecionados, incluindo China, Egito, Índia, Indonésia, Quênia, Nigéria, Paquistão, Filipinas e Vietnã.
Ainda há mercado para produtos como o 130 hoje, mas a janela de oportunidade está se fechando rapidamente graças a uma queda contínua nos preços smartphone.
A Fundação Mozilla e fabricante de chips Spreadtrum desenvolveram uma plataforma de referência e já se preparam para lançar smartphones Firefox OS ultra-low-cost nos próximos meses, em parceria com os fornecedores indianos Intex e Spiced. A previsão da Spreadtrum é a de que esses smartphones custem cerca de 25 dólares.
Isso significa que a Microsoft precisa continuar a trabalhar para tornar smartphones Windows Phone disponíveis por um preço bem abaixo dos 100 dólares, que é o que o Google também está fazendo com o Android.

“Estima-se que pelo menos 1 bilhão de pessoas em todo o mundo ainda não possuem um telefone celular, enquanto que, ao mesmo tempo, existe uma demanda crescente por telefones de reserva confiáveis tanto nos mercados maduros quanto nos mercados de alto crescimento”, afirma Jo Harlow, vice-presidente corporativa, divisão de Telefones, da Microsoft.
Com o 130, a Microsoft está indo atrás de consumidores de mercados emergentes que estão comprando seu primeiro telefone. É também uma boa opção para pessoas que querem um segundo aparelho, complementar a seus smartphones.

De acordo com a Microsoft, todos os anos as pessoas compram 300 milhões de telefones celulares de menos de 35 dólares.

O preço de 25 dólares (sem impostos e subsídios) é cerca de 90 dólares mais barato que o Lumia 530, smartphone de mais baixo custo rodando o Windows Phone. E a diferença de preço com o modelo mais barato do Nokia X rodando Android – projeto abandonado recentemente em mercados mais maduros – é quase a mesma.

 

 

Para muitos usuários de mercados emergentes que a Microsoft tem como alvo, um preço próximo a 100 dólares é simplesmente demais. A empresa precisa oferecer uma alternativa mais acessível para impedi-los de optar por outro fornecedor hoje e, possivelmente, adquirir um smartphone deste mesmo fornecedor no futuro.

O 130 tem tela colorida de 1,8 polegadas e estará disponível com um ou dois SIM cards. A bateria tem autonomia de até 36 dias em standby para o modelo com um SIM card e 26 dias em standby para o aparelho dual SIM.

Oferece 16 horas de reprodução de vídeos armazenados em um cartão microSD de até 32GB, função SLAM habilitada para Bluetooth e conectividade USB para facilitar o compartilhamento de conteúdo digital, sem precisar de uma conexão de Internet.

O Nokia 130 estará disponível em mercados selecionados, incluindo China, Egito, Índia, Indonésia, Quênia, Nigéria, Paquistão, Filipinas e Vietnã.
Ainda há mercado para produtos como o 130 hoje, mas a janela de oportunidade está se fechando rapidamente graças a uma queda contínua nos preços smartphone.
A Fundação Mozilla e fabricante de chips Spreadtrum desenvolveram uma plataforma de referência e já se preparam para lançar smartphones Firefox OS ultra-low-cost nos próximos meses, em parceria com os fornecedores indianos Intex e Spiced. A previsão da Spreadtrum é a de que esses smartphones custem cerca de 25 dólares.
Isso significa que a Microsoft precisa continuar a trabalhar para tornar smartphones Windows Phone disponíveis por um preço bem abaixo dos 100 dólares, que é o que o Google também está fazendo com o Android.

Informações via idgnow

 

    MICROSOFT COMPRA DIVISãO DE CELULARES DA NOKIA

    A microsoft vai ser a nova proprietária da unidade de telefones celulares da nokia. a companhia finlandesa, que foi líder no setor por 14 anos, vai se concentrar ...

    MICROSOFT LUMIA 535 RM-1092, HARD RESET, COMO FORMATAR, RESTAURAR, RESETEAR

    Aulas grÁtis, conserto de celular➡https://goo.gl/xzyh27 como recuperar celular bloqueado, lento, com loop infinito e muito ...

    TUDO SOBRE OS CELULARES DA MICROSOFT - WINDOWS PHONE

    Olá meninas, hoje vim fazer a resenha de um windows phone, quer saber mais? assista o video! fica dica / bom artesanato lembrando que além do canal, ... Tudo sobre Microsoft vai lançar celular basicão por 60 reais em mercados pobres, o Nokia 130

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *